Gostaria de saber do além que não vem
Mas, se ele não há de vir
Para quê eu gostaria de saber sobre seu existir.

(Talvez alguém saiba)

Não há memórias sobre o além que não vem
Pois ele não vem e não virá.
Nem hoje, nem amanhã, nem depois.
O além é além mar.
Além mar, mais adiante que as montanhas mais altas.
Mais distante que as nuvens mais espessas no céu.
Que não chegarão pois não podem vim e ficar aqui em estadia.
Algo que não posso pegar e não consigo ver.
Como se fossem minhas amigas íntimas.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s