Queremos que vocês olhem

Daí de cima
Daí de cima.
Queremos que vocês olhem
Japeri
Daí de cima.
Queremos.
Nós queremos que vocês olhem
Queremos que vocês olhem
Aquela abrupta pedreira
A nos destruir
Nos poluir
Degradar a mata e
a nossa água secar
Desviar
Queremos que você veja
As margens do Rio Guandu
Secas
Cadê a mata ciliar?

This slideshow requires JavaScript.

Advertisements

Queimaram as margens do rio

Queimaram as margens do rio
Mais uma vez
Queimaram as margens do rio
O que ele fez?
Queimaram as margens do rio
O que vem fazendo os órgãos ambientais?
Queimaram as margens do rio
O que os governos fizeram?
Queimaram as margens do rio
O que fizeram os animais residentes?
Queimaram as margens do rio
Como fazem as populações adjacentes?
Queimaram as margens do rio
Como fazem as humanidades conscientes?
Queimaram as margens do rio
O que fazem os moradores locais?
Queimaram as margens do rio
O que podem fazer os doutores?
Queimaram as margens do rio
O que eu posso fazer?
Queimaram as margens do rio.
Mais uma vez.

O dano

Não consigo curtir a Votorantim aqui
Uma empresa que está a abalar
O solo, as margens do
Rio Guandu, aos trabalhadores
(mesmo que estes não percebam).

Não nos compensa cineminha
para as crianças…

O dano/ estrago causado
pela sua destruição/ produção/
poluição/ exploração.

Não nos compensa não
Nos faz necessário dialogar
a forma e a fôrma a
nos enquadrar, porque
o mundo é redondo,
ora essa!
Que deixem as montanhas em
paz!
Não mais “subdesenvolvimento”
exportador.
Construção da crise.

 

DSC08950DSC05954